Gamila Arte & Movimento

Dançando para ser feliz!

Este é o espaço para quem quer dançar e ser feliz. Usamos a Dança do Ventre para aumentar nossa autoestima. Evitamos seguir padrões estéticos inalcançáveis. As aulas são leves e divertidas, sem exigir esforço para uma técnica que só se alcança com sofrimento. Nossa dança é sinônimo de alegria.

 

Minha história

Investimento em formação para auxiliar você a dançar melhor

Sou brasiliense e fiz aulas de Jazz, Balé Clássico e Dança Moderna antes de ingressar nos cursos de Bacharelado e Licenciatura em Dança da UNICAMP em 1991. Durante a graduação conheci as Danças do Brasil e iniciei meus estudos sobre danças árabes.  Coreografei e dirigi espetáculos de dança com fusões de danças folclóricas brasileiras e danças árabes nos anos de 1998 a 2009, com a companhia Aiua!

Sou Doutora e Mestra em Arte Contemporânea pela UnB e durante o mestrado pesquisei a Dança do Ventre, com pesquisa de Campo nas cidades do Cairo e Alexandria – Egito.

 

Conheci Gamila em 1999 em uma apresentação que fez com seu grupo em uma academia de dança de Brasília. Meu encantamento foi instantâneo pela forma como ela expressava sua dança e eu decidi que queria aprender mais sobre dança do ventre com ela. Eu já havia feito aulas, mas não havia sentido a dança brotar de dentro de mim, havia aprendido técnicas, mas até então só as reproduzia. Gamila foi acolhedora, simpática e inspiradora. O trabalho dela sempre foi voltado a descobrimos a felicidade ao dançar, sobrepondo a estética corporal, técnicas e padrões. O foco sempre foi quebrar os próprios limites individuais em busca de uma plenitude. Expressar sentimentos, desenhar formas, construir histórias...
Gamila é inspiração e motivação. Depois de alguns anos diminuí o ritmo de dança. Passei um bom tempo sem vivenciar esse prazer. Agora tenho a oportunidade de vivenciá-lo novamente através das aulas online que Gamila está oferecendo através das plataformas digitais por conta do momento de quarentena que estamos vivendo. Tenho amado essas aulas. É como um resgate da minha conexão com o prazer de dançar.

Karina Costa

Eu danço dança do ventre.jpeg
 

Para alguns ela é a Gamila, para outros é a doutora Cínthia Nepomuceno, para mim ela é tudo isso e muito mais. Com um instinto de cuidadora que parece exalar de seus poros, ela proporciona um ambiente de acolhimento e liberdade em suas aulas de dança. A sensação que sempre experimentei em todos os momentos de orientação que recebi dela foi de poder me expressar verdadeiramente, sem julgamentos. Ao dançar num grupo que ela está presente, tudo fica mais leve, e mais verdadeiro, pois sua sinceridade permeia suas palavras e ações, algo tão raro hoje em dia, não é mesmo? Tive o privilégio de ser orientada por essa grande mulher/menina ao criar meu TCC na faculdade. E hoje tenho a honra de chamá-la de mestre.


Com gratidão,

Elismária Araújo

CVM_9188.JPG
 

Quando entrei no curso de licenciatura em dança, esperava encontrar professores de vários estilos de dança, com as mais diversas especializações, mas nem por um minuto passou por minha cabeça que eu encontraria uma professora com especialização em dança do ventre.
Procurei pela professora Cinthia por mais de 1 ano dentro do campus, e foi em um Festival promovido pelos alunos do curso que tive a honra de encontrá-la. Neste mesmo dia falei de minha satisfação em conhecê-la e falei que gostaria muito de fazer pesquisas acadêmicas voltadas para a dança do ventre. Cinthia (Gamila) muito educada e atenciosa me falou de seu grupo de pesquisa e de suas aulas. Em uma sexta-feira do mês de março de 2019 fiz a minha primeira aula de dança do ventre com a professora Gamila. Ali eu vi a dança do ventre descomplicada, ela conseguiu unir a técnica de forma simples e extremamente criativa com
criação coreográfica e improvisação. Em suas aulas vi que a arte da dança do ventre é para é sim, para todo mundo. Durante as aula temos a chance de aprender a técnica com alegria, sem muitos apegos ao certo ou errado, ela nos conduz a um estado de satisfação e o mais importante: passamos a aula inteira (praticamente) dançando, liberando energia e sendo felizes. Parabéns minha amiga, pela iniciativa de unir a dança do ventre ao sentimento de felicidade!

Lessiana Alencar

Lessiana Alencar
 

Tive oportunidade de conhecer a aula e a pessoa incrível que é a Gamila em 1996. Já naquela época fiquei maravilhada com a sua forma de ensinar a mexer o corpo como uma forma natural. "Foi amor a primeira dança", rss. Ela foi me conduzindo a deixar vir um ritmo, um balanço que eu não sabia que existia. Mas, pra além de toda a diversão de dançar a técnica de deixar "o ventre livre", de mexer os quadris, movimentar o peito, liberar a cabeça e embalar a alma, foram recorrentes, apesar de espaçados nestes mais de 20 anos, que ora faço aula e sempre volto a fazer!

Inês Vargas Marques

WhatsApp Image 2020-05-15 at 20.20.12.jp
 

Do Oito ao Infinito

Músicas para aulas de dança do ventre

Músicas instrumentais com ritmos ideais para aulas de dança do ventre. Você pode aproveitar os áudios para montar seus exercícios e praticar os movimentos e melhorar o seu desempenho.

 

Dança do Ventre do Oito ao Infinito

Adquira o livro na Amazon

Esse livro é uma contribuição para o aprendizado da dança do ventre: para quem aprende só, para quem aprende nas aulas e gosta de pesquisar, para quem deseja trilhar um caminho autodidata. A ideia é estimular a independência para um aprendizado de qualidade. O oito é um símbolo essencial para a prática da dança do ventre. É uma forma presente em vários movimentos. Os oitos desenhados pelos quadris são os mais conhecidos. Podemos desenhar o oito deitado - símbolo do infinito, de variadas maneiras e em diversas direções e sentidos de movimentação. A proposta, aqui, é saltar do oito para o infinito. Praticar dança do ventre com fluência. Valorizar a expressão individual e a improvisação. Superar das limitações. Proporcionar liberdade de criação. O símbolo do infinito será o ponto de partida para a busca de alternativas para quem quer ter prazer em dançar. A dança do ventre é uma arte que ensina a suavidade de nossa força. Utilizamos energia sutil para criar movimentos espontâneos e vigorosos, mantendo um relaxamento com tonicidade. Convido você a praticar essa arte e explorar seu potencial de movimento e expressividade.

 
 

Aiua! Do Oito ao Infinito

Podcast para a prática de dança do ventre. Músicas com comandos de voz para a prática de movimentos.

Músicas com comandos de voz para a prática de movimentos. Toda semana os áudios são atualizados.

 

Programação

2020

Todas as terças-feiras, às 17h.

Dançando com Gamila

Aulas Gratuitas Online transmitidas pelo Facebook. Participação na sala via Google Meet com interação com a professora Gamila. Inscreva-se no canal de transmissão do Telegram para receber o link de acesso, clicando aqui!

Todas as quintas-feiras, às17h.

Dica da semana

Toda quinta-feira será lançada e publicada no Youtube, Facebook e Instagram uma dica para melhorar seu desenvolvimento na Dança do Ventre.

Por agendamento

Aulas Individuais Online

Tenha sua aula individual online com 1 hora de duração via agendamento. Os horários são agendados de acordo com a sua e a nossa disponibilidade.

Por agendamento

Aulas de teoria da dança online

Amplie seus conhecimentos sobre os aspectos teóricos da Dança do Ventre ou outras danças de seu interesse.

Por agendamento

Aulas em grupo com temas específicos

Tenha aulas sobre os temas de interesse de seu grupo de amigas e compartilhe momentos online de muita alegria e desenvolvimento pessoal.

Em breve

Cursos de Formação

Teremos cursos de formação com certificado oferecidos por meio virtual. Para maiores informações envie-nos uma mensagem.

 
 
 

Meus Mestres

Aprendizados e Inspirações

Happy Bellydance

Paulo Santos

Professor de dança, criador do Happy Dance Power Sistem

Foi meu grande inspirador na infância e me deu estímulo para fazer minha graduação em dança. Um verdadeiro coach, numa época em que essa palavra nem era utilizada por aqui.

Dança do ventre

Shayla

Artista

Multiartista talentosa, essa mulher foi minha primeira professora de dança do ventre. Seu nome artístico é Shayla, quando dança música árabe, mas a Sheila Ribeiro tem inúmeras faces criativas.

gabrielle_roth_edited.jpg

Gabrielle Roth

Inspiração

Nunca tive o privilégio de fazer aulas com essa mulher incrível que já não está mais aqui neste mundo. Mas sou viciada em tudo o que ela produziu, livros, vídeos, métodos, músicas, danças, aulas online, e tantas outras coisas. Eu me inspiro muito nela para dar minhas aulas.

 
osho.jpg

Osho

Guru

Por mais controverso que tenha sido sua existência, foi com ele que aprendi que dança é meditação e meditação também pode ser dança. Muito do que sou, vem dos ensinamentos dele.

Roberta_edited.jpg

Roberta Salgueiro

Antropóloga e Artista

Minha maior referência quando se trata de teoria sobre a dança do ventre. Sua tese é leitura obrigatória para as minhas orientandas que pesquisam sobre dança do ventre no Trabalho de Conclusão de Curso da Licenciatura em Dança do IFB.

mahmoud.jpg

Mahmoud  Al Masri

Músico Percussionista

Egípcio muito exigente foi bastante generoso e me ensinou muito sobre a cultura árabe. Ele entende muito sobre dança e música árabe e sempre me puxou orelhas quando eu me equivocava com a dança do ventre.

 
amani_edited.jpg

Amani

Dançarina Libanesa

Tive o privilégio de fazer um workshop dessa dançarina maravilhosa e aprender muito sobre sua visão de dança. Muitas coisas úteis para o meu aprendizado.

Samara.jpg

Samara

Dançarina Libanesa

Quando consegui uma bolsa para o workshop de Samara pela Secretaria de Cultura do GDF, eu fiquei exultante! Ela era a mulher que eu considerava melhor dançarina naquele tempo. Uma grande inspiração até hoje!

hossam.jpeg

Hossam Ramzy

Músico Percussionista

Participei de vivências, palestras e workshops deste músico genial que tristemente nos deixou em 2019. O seu legado é imenso e eu admiro demais o trabalho dele. Aprendi muito sobre a importância da leitura musical.

 
 

Conecte-se conosco

Envie mensagens, peça conteúdos, faça sugestões e elogios. Aguardamos sua mensagem.

Email:

 

B Arte Producoes em Cultura e Educação Eireli  CNPJ: 16.596.573/0001-60

61999881920

Os produtos adquiridos neste site estarão disponíveis em até 5 dias úteis

SMLN MI3 Conj. 3 Casa Ponte

©2020 por Gamila Arte & Movimento.

Samia Gamal

A dançarina egípcia Samia Gamal, nascida Zainab Ibrahim Mahfuz, é um ícone da dança do ventre no mundo inteiro. Estrela da época de ouro do cinema egípcio.